Bauza explica derrota da Argentina: 'Um erro nos custou a derrota'

Vaiado, amargurado, golpeado e desiludido. Após a derrota para o Paraguai por 1 a 0, na última terça-feira, em Córdoba, o técnico Edgardo Bauza completou quatro jogos pela seleção argentina com um aproveitamento de 41,6%. "Patón" teve que dar muitas explicações sobre o último insucesso da Albiceleste, apenas quinta colocada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018.

- Não fizemos um bom jogo, sobretudo no primeiro tempo, e o futebol te castiga quando deixas de aproveitar as chances. Na etapa final, melhoramos. Chegamos quatro vezes e tivemos 75% de posse de bola diante de um time que se defende bem. Não é fácil romper as linhas de um adversário bem ordenado. Estamos tristes. Um erro nosso custou a derrota - argumentou o técnico.

Para Bauza, os jogadores argentinos têm uma dívida com a torcida, que já não aguenta mais ficar sem títulos, afinal, são 23 anos de seca.

"Patón" também reforçou a confiança no elenco e disse que é preciso correr atrás dos pontos perdidos nas três últimas rodadas.

A Argentina volta a campo pela competição, no dia 10 de novembro, contra o líder Brasil, no Mineirão. Em caso de derrota, a atual vice-campeã do mundo pode despencar para a sétima posição.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos