Botafogo vence o Internacional, afunda o adversário e entra no G6

Jair Ventura estava reticente. Evitava falar em vaga na Libertadores antes de o time conseguir, matematicamente, escapar do rebaixamento. Mas agora o técnico alvinegro já pode ficar tranquilo. Num jogo para lá de tenso, na Arena Botafogo, na noite desta quarta-feira, o Glorioso venceu o Internacional, chegou a 47 pontos e conseguiu mais: é o quinto colocado.

O árbitro Marielson Alves deixava o jogo correr, embora com critérios polêmicos. Mesmo assim, demorou quase meia hora para a partida, de fato, começar. Aos 29 minutos, Dudu Cearense, de longe, obrigou Danilo Fernandes a fazer boa defesa. O escanteio subsequente teve cabeceio de Emerson, voleio de Carli, mas o bate-rebate não resultou em gol.

Aos 32, Valdivia chutou perigosamente e, aos 36, Neilton retribuiu, em jogada pela direita. O atacante chutou encobrindo o goleiro e a bola beirou a baliza, mas, incrivelmente, acabou saindo em lateral.

O Botafogo voltou do intervalo com duas alterações, tentando melhorar o desempenho. Mas quem teve mais chances foi a equipe visitante. E o ex-alvinegro Vitinho começaria a aprontar: aos cinco minutos, o chute foi para fora. Aos 11, William tentou chamar para si o protagonismo, só que também não acertou.

O atacante colorado voltou a assustar aos 20 minutos, em grande jogada pela esquerda. O chute, porém, foi em cima de Sidão. Cinco minutos depois, Sassá perdeu bola no círculo central e Vitinho - de novo - finalizou. A bola insistiu em não entrar.

Foi quando o Glorioso acordou para a etapa derradeira: Rodrigo Pimpão, em chutes aos 26 e aos 29, assustou o goleiro visitante. O jogo estava aberto naquele momento.

Com os nervos à flor da pele e as divididas cada vez mais fortes, uma disputa de bola dentro da área do Internacional terminou com Eduardo no chão, mas com as mãos sobre a bola. Pênalti, aos 39 minutos.

Sassá correu, deslocou o goleiro e fez o gol que colocou o Botafogo na quinta posição do Campeonato Brasileiro. Festa na Arena, festa na Ilha, festa no G6.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 1 X 0 INTERNACIONAL

Local: Arena Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ)

Data-hora: 12/10/2016, às 21h45 horas

Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)

Auxiliares: Kléber Lúcio Gil (Fifa-SC) e Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG)

Renda/Público: R$ 196.750,00 / 9.087 pagantes.

Cartões amarelos: Carli, Airton, Vinícius Tanque, William e Paulão

Cartão vermelho: -

GOL: Sassá, aos 39 minutos.

BOTAFOGO: Sidão, Alemão, Carli, Emerson e Victor Luís; Airton, Dudu Cearense (Rodrigo Pimpão, Intervalo), Rodrigo Lindoso e Camilo; Neilton (Nuñez, 42'/2ºT) e Vinícius Tanque (Sassá, Intervalo) - Técnico: Jair Ventura.

INTERNACIONAL: Danilo Fernandes, William, Paulão, Eduardo e Ceará (Geferson, 35'/2ºT); Anselmo e Rodrigo Dourado; Valdivia (Eduardo Sasha, 10'/2ºT), Alex (Seijas, 30'/2ºT) e Gustavo Ferrareis; Vitinho - Técnico: Celso Roth.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos