CAS anuncia suspensão de russos da marcha atlética por doping

A Corte Arbitral do Esporte (CAS) anunciou nesta quinta-feira a punição de cinco atletas russos da marcha atlética, suspensos por quatro anos após testarem positivo para eritropoietina (EPO), em exame antidoping realizado em junho do ano passado.

Os punidos são Vera Sokolova, Elmira Alembekova (atual campeã europeia), Ivan Noskov, Denis Strelkov e Mikhail Ryzhov (prata no Mundial de 2013). A substância controla a produção de células vermelhas no sangue e ajuda a melhorar o desempenho.

A suspensão de Alembekova conta a partir do dia 17 de julho deste ano. Os outros quatro receberam a punição com data retroativa a 15 de julho deste ano.

Com a suspensão da Federação Russa de Atletismo (ARAF), a Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) passou para a CAS a atribuição de julgar os marchadores em instância única, sem possibilidade de recorrer.

Segundo o comunicado, os atletas não apresentaram em sua defesa qualquer alegação de que a violação das regras tenha sido acidental.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos