Polêmica e Fernandinho decisivo: Fla vence Flu e encosta no líder Palmeiras

O clássico eletrizante entre Fluminense e Flamengo acabou com a vitória rubro-negra por 2 a 1, em Volta Redonda. O ótimo jogo, no entanto, mais uma vez ficará marcado pela atuação da arbitragem, que voltou atrás duas vezes e anulou o que seria o gol de empate do Tricolor - em posição de impedimento -, já no fim do jogo no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

A festa da torcida rubro-negra não foi menor por conta disso. Com o tropeço do Palmeiras, o time de Zé Ricardo está com 50 ponto, um a menos que o líder. O Tricolor das Laranjeiras, por sua vez, segue com 46 pontos e dentro do G6.

Novidade na escalação de Levir Culpi, Richarlison foi o responsável pela primeira chance de gol, antes até do primeiro minuto de jogo. A finalização saiu à esquerda de Alex Muralha. A resposta do Flamengo foi imediata, com Damião, mas o capitão Gum travou o centroavante.

A mudança de Levir, que sacou o volante Douglas, deixou a equipe mais aberta, e Diego soube aproveitar muito bem. O camisa 35 ditou o ritmo do Flamengo, que teve mais a posse de bola e logo abriu o placar, em jogada para lá de confusa.

Diego cobrou falta lateral, Júlio César oscilou na saída e a zaga do Tricolor bateu cabeça. Damião dividiu, a bola bateu em Henrique e parou na rede. Fla na frente, apesar da reclamação dos jogadores do Flu.

A equipe de Zé Ricardo recuou, e, apesar de algumas chances claras do Fluminense, não passou sufoco. O lance mais perigoso foi de Marcos Junior que ficou com a sobra dentro da área e chutou por cima da meta.

Com boas jogadas laterais, o Flu voltou melgor e empatou com Marcos Junior, em jogada que nasceu nos pés de Scarpa, e teve assistência de Cícero. Mas, não houve tempo para comemorar. Em nova falha defensiva do Tricolor, Fernandinho voltou a decidir, em passe de Pará: 2 a 1.

Nervoso, o time de Levir sentiu o gol, voltando a ocupar o campo de ataque só no fim. E foi aí que a polêmica ficou gigante. Em impedimento, Henrique fez o gol. O árbitro voltou atrás duas vezes. No fim, gol anulado. Muita reclamação por parte do Flu. Muita festa por parte do Fla

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE 1 X 2 FLAMENGO

Local: Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)

Data-hora: 13/10/2016, às 21h (de Brasília)

Árbitro: Sandro Meira Ricci (SC)

Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Marcelo Carvalho van Gasse (SP)

Público/Renda: 9.008 pagantes (11.166 presentes)/R$ 362350,00

Cartões amarelos: Wellington Silva, Gustavo Scarpa, Wellington (FLU); Alan Patrick, Jorge (FLA).

Cartões vermelhos: -

Gols: William Matheus - 12'/1º T (gol contra) (0-1), Marcos Júnior - 1'/2ºT (1-1), Fernandinho - 8'/2ºT (1-2)

FLUMINENSE: Júlio César; Wellington Silva, Gum, Henrique e William Matheus; Pierre (Marquinho, 29'/2T), Cícero, Gustavo Scarpa e Marcos Junior (Magno Alves, 29'/2T); Wellington e Richarlison (Henrique Dourado). Técnico: Levir Culpi.

FLAMENGO: Alex Muralha; Pará, Rafael Vaz, Réver e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão; Alan Patrick (Éverton, 10'/2T), Diego e Fernandinho (Marcelo Cirino, 22'/2T); Leandro Damião (Emerson Sheik, 30'/2T) . Técnico: Zé Ricardo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos