Com torcida revoltada, Inter de Milão aplica 'multa pesada' em Icardi

A relação entre o atacante Icardi, a diretoria e a torcida da Inter de Milão segue estremecida. O clube italiano resolver punir o jogador por conta de sua polêmica biografia - lançada na última segunda-feira - um dia após o jogador ter atuação pífia na derrota para o Cagliari por 2 a 1, em pleno Giuseppe Meazza, com direito a pênalti perdido.

No livro, Icardi se intitulou 'herói' ao bater de frente com a organizada do clube ao tirar a camisa e jogá-la no chão na comemoração do gol de honra da Inter na derrota para o Sassuolo, por 3 a 1, na temporada passada. Pela publicação da biografia, os Nerazzurri vão aplicar uma 'multa pesada' no argentino.

Apesar da atitude do jogador, que recentemente renovou contrato até 2021, a direção da Inter de Milão vai mantê-lo como capitão da equipe.

Icardi foi muito vaiado na derrota para o Cagliari, neste domingo. Além da má atuação, ainda perdeu um pênalti. O atacante saiu de campo sob aplausos irônicos dos torcedores nerazzurri.

Uma faixa da torcida organizada da Inter, a Curva Nord, detonava o atacante, dizendo: 'Você não é um homem. Você não é um capitão. Você é um pedaço de m...'. Em comunicado, os fãs pediram para ele deixar a braçadeira de capitão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos