Apesar da goleada, Guardiola elogia o City: 'Fomos valentes e atrevidos'

O goleiro Bravo foi o vilão do Manchester City na derrota para o Barcelona por 4 a 0, nesta quarta-feira, no Camp Nou. Sabedor da dificuldade de enfrentar o ex-clube no Camp Nou, o técnico Pep Guardiola colocou o lance como crucial para determinar um resultado tão elástico, pela terceira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa.

- Com dez, fica muito mais difícil enfrentá-los. O jogo estava aberto antes da expulsão de Bravo. Controlávamos bem a bola e criávamos ocasiões. Levamos um gol em um escorregão de Fernandinho, mantivemos a personalidade e terminamos muito bem o primeiro tempo. Depois, no 11 x 10 ficou complicado. Em geral, tenho a percepção que fomos bem - defende o treinador.

Apesar da goleada, Guardiola não considera a derrota desta quarta-feira como a pior da carreira.

- A pior foi contra o Real Madrid (0-4), em Munique (em 2014). Naquele dia, perdemos porque tomamos muitas decisões erradas. Contra o Barça, fomos valentes e atrevidos - comparou.

O Manchester City é o segundo colocado do Grupo C da Liga dos Campeões da Europa, com apenas quatro pontos, cinco atrás do líder Barcelona, rival que enfrentará em duas semanas, na Inglaterra, pela quarta rodada da competição.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos