São Paulo faz consultas por Bernard e Wellington Nem, dupla do Shakhtar

  • REUTERS/Gleb Garanich

O São Paulo tem se movimentado no mercado em busca de opções de reforços para 2017. Depois de Nilmar, do Al Nasr (EAU), a diretoria consultou a situação de dois jogadores que atuam na Ucrânia: os atacantes Bernard e Wellington Nem, do Shakhtar Donetsk. No caso dos dois jogadores de 24 anos, no entanto, a possibilidade de acerto é difícil.

Tanto Bernard quanto Wellington possuem mais um ano e meio de contrato com o clube ucraniano, que costuma dificultar a saída de seus jogadores. Nos dois casos, a possibilidade que se abre para o Tricolor é por empréstimo, já que o Shakhtar tem recusado propostas milionárias por seus atletas nos últimos anos. Na última janela de transferências internacionais, recusou 25 milhões de euros (cerca de R$ 100 milhões) do Porto por Bernard, por exemplo.

Os contatos do São Paulo são com os representantes dos jogadores. Existe a possibilidade de Alexandre Pássaro, advogado do clube, viajar para a Ucrânia nos próximos dias para saber se os ucranianos têm interesse em ceder seus atletas. Adriano Spadoto, empresário de Bernard, pode ir junto para auxiliar nos contatos sobre o ex-jogador do Atlético-MG que disputou a última Copa do Mundo sob o comando de Luiz Felipe Scolari.

A ideia do São Paulo é mapear o máximo possível de jogadores com potencial. A diretoria está focada em garantir a permanência na Série A do Campeonato Brasileiro, mas terá de se movimentar para montar um time forte para 2017. Em abril, acontece a eleição para presidente e Carlos Augusto de Barros e Silva, o atual, sabe que a atuação na próxima janela de transferências será um ponto importante para vencer o pleito.

A diretoria tem previsão de maiores investimentos para o ano que vem, já que os gastos com contratações em 2016 foram reduzidos (exceção à aquisição de Maicon, cujos R$ 22 milhões pagos ao Porto foram parcelados). No entanto, terá disputas acirradas no mercado caso invista mais forte nas contratações desses atletas. Wellington Nem e Bernard sempre despertam o interesse de grandes clubes brasileiros a cada janela de transferências e dessa vez não será diferente. Palmeiras e Flamengo, que brigam pelo título do Campeonato Brasileiro, são considerados os de maiores potenciais de investimento pela situação financeira confortável que passam.

Atualmente, o São Paulo conta com três atacantes de beirada de campo no elenco: Kelvin, que está emprestado pelo Porto até o fim do ano e não deve permanecer, Robson, recém-chegado do Paraná, Luiz Araújo e David Neres, recém-promovidos do time Sub-20.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos