Técnico do Porto interrompe entrevista coletiva para dar aula

Neste sábado, no Estádio do Dragão, depois de derrotar o Arouca por 3 a 0, ao ser perguntado sobre a forma de jogo do Porto, o técnico Nuno Espírito Santo se levantou e passou a ministrar uma aula em plena entrevista coletiva de pós-jogo.

 

Nuno trocou algumas palavras com o assessor de imprensa do Porto, Pedro Amorim, e se dirigiu a um quadro que estava na sala. Em seguida, ele pegou um dos microfones dos jornalistas, desenhou um boneco e passou a falar sobre como monta a equipe.

 

- Tem tempo, não? - começou.

 

Na aula que durou pouco menos de cinco minutos, em alguns rabiscos, o técnico provou que os valores do time são mais importantes do que esquemas táticos.

 

- O jogador Porto assenta em três pilares: compromisso, cooperação e comunicação. Para jogar à moda Porto é preciso isso. Se dissemos que isto é a união, temos o que é fundamental para o time. É o primeiro passo. Se acrescentarmos a nossa determinação, temos a nossa atitude. Esta é a atitude que nós queremos. Independentemente do sistema - determinou.

 

Na folha seguinte, Nuno desenhou um campo e no centro escreveu a palavra "visão".

 

- Quando temos o que falei anteriormente, temos a nossa visão. Não interessa o sistema, interessa é que o nosso campo se reduza a 65 metros, porque estamos mais perto do gol adversário. Primeiro a base, depois o treino, jogo e competição É o que queremos para acabar com este ciclo de três anos sem ganhar - completou o treinador.

 

O Porto assumiu a liderança provisória do Campeonato Português ao vencer o Arouca por 3 a 0, no último sábado, no Estádio do Dragão. Se o Benfica não pontuar diante do Belenenses, neste domingo, fora de casa, os tripeiros seguem na ponta da competição.

 

 

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos