Ex-companheiro de Santos, Seleção e Cosmos, Pelé lamenta morte de Carlos Alberto Torres

Ex-companheiro de Carlos Alberto Torres na Seleção Brasileira, no Santos e no New York Cosmos, dos Estados Unidos, Pelé não poderia deixar de homenagear o amigo que faleceu na manhã desta terça-feira, no Rio de Janeiro, vítima de infarto fulminante.

- Fico triste com a morte do meu amigo irmão Carlos Alberto, nosso querido 'Capita', lembrando dos tempos que estivemos juntos no Santos, na Seleção Brasileira e no Cosmos, formando uma parceria vencedora. Infelizmente a gente tem que entender isso e que a vida continua. Para a sua família mando minhas condolências - lamentou o Rei.

Paulo Roberto Falcão, que atuou ao lado do ex-lateral na Seleção Brasileira, também prestou homenagem.

- Foi com muita tristeza que soube da morte de Carlos Alberto Torres. Jogamos juntos, por pouco tempo, na Seleção Brasileira. Com a experiência e a liderança que lhe eram peculiares, sempre soube deixar os mais jovens à vontade. Figura de amizade fácil, Carlos Alberto Torres ficará para sempre na história do futebol mundial como um dos maiores de todos os tempos - disse o treinador.

Carlos Alberto Torres será velado nesta terça-feira, no prédio da CBF, na Barra da Tijuca, às 18h. O enterro acontecerá na quarta, às 11h, no Cemitério do Irajá, Zona Norte do Rio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos