Ídolo na Alemanha, brasileiro é condenado a nove anos de prisão

O ex-jogador brasileiro Marcelo Pletsch foi condenado a nove anos de prisão por narcotráfico, de acordo com o jornal "Bild". O ex-zagueiro teve passagem marcante pelo Borussia Mönchengladbach de 1999 a 2005, com 150 jogos pelo clube alemão.

Naturalizado alemão, Pletsch havia sido preso no dia 10 de novembro do ano passado com 793 kg de maconha em um caminhão em Toledo, no interior do Paraná. Além do Gladbach, o ex-jogador atuou também no Kaiserslautern, da Alemanha, e Ceará e Cascavel, no Brasil.

Pletsch conduzia um caminhão branco com a droga no momento em que os agentes da Polícia Militar o interpelaram. Outros dois homens, também detidos, estavam ao lado do ex-zagueiro.

Ex-companheiro de Pletsch no Gladbach, o goleiro Uwe Kamps lamentou a condenação.

- É uma notícia muito triste e que me abala. Tive até o final a esperança que não fosse ser assim.

Aposentado em 2011, Pletsch cuidava de porcos em uma região próxima à fronteira com o Paraguai.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos