Olympique apresenta Zubizarreta, ex-Barça, como novo diretor esportivo

O Olympique de Marselha apresentou nesta quinta-feira Andoni Zubizarreta como novo diretor esportivo. O espanhol tem experiência no cargo, uma vez que o exerceu no Barcelona entre 2010 e 2015, e no Athletic Bilbao, entre 2001 e 2004. Ele chega à França para assumir o lugar antes ocupado por Gunter Jacob.

Antes de Zubizarreta, o novo dono do Olympique, o milionário Frank McCourt, já havia acertado com o técnico Rudi Garcia, ex-Roma, para ocupar a vaga deixada por Frank Passi, que era interino do Marselha após a demissão de Míchel no fim da última temporada.

O novo dono do clube assegurou que colocaria à disposição 200 milhões de euros (R$ 689,3 milhões) para reforçar o elenco em quatro anos. Com esse montante, Zubizarreta terá a missão de montar um time à altura do Olympique, que vem deixando a desejar nos últimos anos.

Na atual temporada, o clube está na modesta 11ª colocação, com apenas 13 pontos em dez jogos. O líder é o surpreendente Nice, que soma 26.

- O Marselha tem um grande coração, uma grande alma futebolística, igual ao Athletic Bilbao e ao Barcelona. Em Marselha, há uma grande paixão nos torcedores, é uma grande oportunidade para mim - disse o ex-goleiro.

Zubizarreta afirmou ainda que já se reuniu com Rudi Garcia para tratar dos planos do Olympique para o restante da temporada.

- No futebol não há só a parte visível da técnica. É preciso sentir para entender. Para mim, o Marselha é um clube no qual tudo cheira a futebol. É o futebol, a paixão, a emoção e o jogo.

Jacques-Henri Eyraud, presidente do clube, revelou que Zubizarreta era sua primeira opção e que ele terá carta branca para as contratações.

- Queríamos começar com a nomeação do novo treinador e depois ver de forma ambiciosa como podíamos nos reforçar. Andoni era nossa primeira opção.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos