Presidente do Barça na 'era Ronaldinho' quer ver Piqué à frente do clube catalão

O zagueiro Piqué já externou o desejo de concorrer à presidência do Barcelona ao se aposentar. Nesta quinta-feira, o defensor do time catalão ganhou o primeiro cabo eleitoral de uma possível campanha no futuro: Joan Laporta, mandatário do clube de 2003 a 2010.

- Piqué reúne todas as condições de ser um grande presidente. É alguém de muita personalidade, ama o Barça, é culé e valente. Já tem meu voto - garante Laporta.

Para o ex-presidente, o Barça está bem servido de jogadores que podem seguir no futebol depois de pendurarem as chuteiras.

- Há muitos jogadores deste elenco que têm qualidades para investir na carreira de treinador, se assim desejarem. É só encontrar alguém que lhes dê uma oportunidade - ressaltou.

Laporta foi presidente do Barcelona na época do auge de Ronaldinho Gaúcho e do aparecimento e explosão de Messi. O dirigente acompanhou a transição do trabalho de Frank Rijkaard para Pep Guardiola.

Laporta tentou retomar a presidência em julho de 2015, mas foi derrotado por Jose Maria Bartomeu, que conseguiu a reeleição para o cargo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos