Virada emocionante e final amargo: atleticanos lamentam 2 a 2 com o Fla

O Atlético-MG esteve muito perto de vencer o Flamengo nesta tarde de sábado. Após sair atrás no marcador e apresentar um futebol pobre na etapa inicial, o time mineiro partiu para cima do adversário, amassou a equipe carioca e conseguiu uma virada já nos últimos cinco minutos de partida. Cenário ideal para os torcedores que fizeram o Mineirão explodir de emoção. Mas não terminou por aí. No apagar das luzes, o Galo não conseguiu segurar o resultado e levou o empate por 2 a 2. Igualdade amarga e gosto de derrota.

- Um sentimento ruim. Voltamos bem no segundo tempo. Jogamos contra um time organizado e mais descansado. Nosso time mostrou poder de reação, conseguimos a virada. Infelizmente levamos um gol num lance de bate-rebate. Um sentimento difícil. Valeu pelo empenho, pelo que o time mostrou no segundo tempo, com a virada. A gente tem que manter a cabeça em pé e pensar no Internacional, que é um jogo muito importante - falou Carlos César.

Sem muito tempo para lamentar, o discurso de outros jogadores já mira a Copa do Brasil. Na próxima quarta-feira, o time volta a jogar, desta vez no Mineirão, e recebe o Internacional por uma vaga na finalíssima do torneio.

- É triste sair de um jogo desse sem a vitória. Mas acredito que o empate foi justo pelo jeito que as duas equipes se entregaram. Agora temos que recuperar. Todo mundo está esgotado. Todos deram o máximo. Agora é pensar na quarta-feira - disse o outro lateral, Fábio Santos.

Zagueiro titular após a lesão de Leonardo Silva, Gabriel também lamentou o descuido nos últimos minutos e já foca no torneio de mata-mata.

- A equipe lutou, batalhou, viramos o jogo. Tivemos desatenção e levamos o gol. Agora é pensar na quarta. Tivemos um descuido e levamos o gol - disse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos