Anderson Silva foi o atleta do UFC mais testado no antidoping em 2016

Ex-campeão dos médios do UFC, Anderson Silva foi o atleta mais testado pela USADA (Agência Antidoping dos Estados Unidos) em 2016, segundo informações disponíveis no site da agência.

O brasileiro fez apenas duas lutas neste ano, no entanto foi testado 15 vezes pela USADA, liderando a lista de lutadores testados dentro da maior organização de MMA do planeta.

Quem ocupa a segunda colocação na lista é a ex-campeã dos galos, Miesha Tate, que foi submetida a 12 testes. Na sequência vem os campeões Tyron Woodley e Eddie Alvarez, com 11 testes realizados cada, assim como o ex-campeão Johny Hendricks.

Já o campeão dos galos Dominick Cruz, Cain Velásquez, Nate Marquardt e Stephen Thompson foram submetidos aos exames antidoping em dez oportunidades até o momento.

Aos 41 anos, Anderson Silva não vence desde outubro de 2012, quando nocauteou Stephan Bonnar. O brasileiro teve sua vitória sobre Nick Diaz, em janeiro de 2015, anulada, após ser flagrado no doping por uso de esteroides. Em sua última luta, em julho deste ano, Spider acabou derrotado pelo campeão dos meio-pesados na decisão unânime dos juízes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos