Coreia do Norte projeta lançar atletas 'com mais talento que Messi'

Se depender de ambição, o projeto da Coreia do Norte para impulsionar seu futebol vai longe. Em entrevista ao jornal "Marca", o treinador Ri Yu Él afirmou que o ditador Kim Jong-Un quer criar "jogadores com mais talento que Lionel Messi" e "dominar o mundo do esporte".

- Treinamos nossos jovens para se tornarem jogadores os mais talentosos, mais até que Lionel Messi. Por agora, procuramos dominar a Ásia e no futuro próximo, espero que possamos dominar o mundo - disse Ri Yu Él, que comanda a Escola Internacional de Futebol de Pyongyang, única instituição que estimula a prática do esporte por lá.

A Coreia do Norte ambiciona repetir o feito da Copa do Mundo de 1966, quando chegaram às quartas de final.

Agora, o país oriental ocupa apenas a 126ª posição no ranking da Fifa, muito atrás dos rivais locais, China (84ª), Japão (51ª) e Coreia do Sul (44ª).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos