Itália manda bola na trave, mas acaba no empate com a Alemanha

Itália e Alemanha fizeram um amistoso movimentado nesta terça-feira, em Milão. A Azzurra foi mais presente no ataque, perdeu grande chance com Belotti, na segunda etapa, que parou na trave, mas não conseguiu marcar e o jogo terminou empatado em 0 a 0.

As duas seleções aproveitaram o amistoso para fazer alguns testes na equipe. Pelo lado italiano, Giampiero Ventura apostou em Romagnoli e Rugani como parceiros de Bonucci na zaga. Zappacosta ganhou chance na direita, com Darmian na esquerda. No setor ofensivo, três atacantes: Immobile, Belotti e o ítalo-brasileiro Éder.

Os alemães também tinham muitos desfalques e entrou com três zagueiros. Dos medalhões, apenas Hummels, Gündogan e Müller foram titulares, ao lado de jovens como Gerhardt e Goretzka.

Em campo, um jogo muito movimentado, mas com poucas chances claras de gol. Mas a Itália foi um pouco melhor, com mais presença no campo de ataque, até pelo fato de Müller estar muito isolado na Alemanha.

Os três atacantes se movimentavam muito. Immobile, o mais enfiado entre os zagueiros, teve boa chance, mas o goleiro Leno fechou bem o ângulo. Na parte final, os germânicos melhoraram um pouco mais com a aproximação dos meias, principalmente Gündogan e Goretzka, e Müller também apareceu com mais perigo. Buffon chegou a pegar chute do atacante do Bayern de Munique.

Os dois técnicos fizeram muitas substituições no segundo tempo e o jogo ficou um pouco mais morno. Volland, que entrou no lugar de Müller, até chegou a marcar, mas o juiz marcou impedimento. A Itália, por sua vez, encaixou um contra-ataque que quase venceu Leno. Belotti rolou para Immobile, que cruzou para trás. Bernardeschi apareceu livre pela direita, mas o goleiro alemão pegou.

A Alemanha também avançou o time, com Götze no lugar de Weigl. O jogo passou a ficar aberto. A Itália aproveitava os espaços deixados por Kimmich - que não estava bem na recomposição - na direita e criava perigo. Immobile, em outro lance pelo setor, chutou à esquerda da meta de Leno.

Melhor em campo, a Itália teve a melhor chance do jogo nos pés de Belotti. O atacante cortou o zagueiro Mustafi e chutou forte A bola passou por Leno, mas beijou a trave direita, para sorte da Alemanha.

UCRÂNIA VENCE A SÉRVIA

A Ucrânia não deu chances para a Sérvia e venceu amistoso nesta terça-feira por 2 a 0. Os gols da partida foram marcados por Shakhov e Yarmolenko, este de pênalti, já no fim da partida.

REPÚBLICA TCHECA SÓ EMPATA

Em casa, a República Tcheca não conseguiu superar a seleção da Dinamarca. Apesar de sair na frente, cedeu o empate e ficou no 1 a 1. Os gols foram marcados por Barak, para os anfitriões, com Jorgensen deixando tudo igual.

OUTRO JOGO

Áustria 0 x 0 Eslováquia

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos