Nuzman se candidata à presidência da Odepa

Conhecido por seus calorosos discursos durante a Rio-2016, o atual presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB) e do Comitê Organizador Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, anunciou na tarde desta quinta-feira, durante um evento em Doha, no Catar, que concorrerá a mais um cargo.

Aos 74 anos, o dirigente irá se candidatar presidência da Organização Pan-Americana de Esportes (Odepa). As eleições ocorrerão em abril do ano que vem , no Uruguai. As informações são do site "Inside the Games"

?

Nuzman terá como oponentes: Keith Joseph (secretário-geral do Comitê Olímpico de São Vicente e Granadinas), Richard Peterkin (membro do COI natural de Santa Lúcia), José Joaquín Puello (República Dominicana) e Neven Ilic (presidente do Comitê Olímpico do Chile).

Atualmente, a entidade é comandada interinamente pelo uruguaio Julio Maglione, presidente da Federação Internacional de Natação (Fina), devido ao falecimento do ex-presidente Mario Vázquez Raña.

A data da nova eleição chegou a ser motivo de impasse. Segundo o estatuto da entidade, a votação deve ser realizada sempre no ano seguinte à realização do Campeonato Pan-Americano. Dessa forma, deveria ter ocorrido em 2016. A confusão deu-se por um grupo querer realizar a eleição em fevereiro e outro no final de março, durante a Assembléia Geral da entidade, em Montevidéu. A ultima data tinha como um de seus defensores o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, que revelou desejo de estar presente na ocasião da escolha. Ela acabou aprovada após debate.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos