Torcedores do Corinthians protestam no CT e têm discussão com Willians

Um grupo de torcedores do Corinthians realizou um protesto na portaria do CT Joaquim Grava na manhã deste sábado, logo após o penúltimo treinamento do elenco antes da partida contra o Internacional, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Uma faixa com dizeres ofensivos à diretoria e ao grupo de jogadores foi estendida no local por onde saem os atletas. Um deles, inclusive, foi cobrado pessoalmente: o volante Willians.

O camisa 5 do Corinthians foi abordado pelos torcedores e deixou seu veículo para ouvir as cobranças. Um trecho de um vídeo gravado no momento da conversa está circulando em fóruns de torcedores do clube nas redes sociais e contém o seguinte diálogo, iniciado com a percepção por parte do torcedor de que o jogador trajava um shorts verde, cor do rival Palmeiras:

Torcedor: "Shorts verde, meu irmão?".

Willians: "Você quer encher meu saco?".

Torcedor: "Vai me agredir?".

Willians: "Não, não vou te agredir, não. Mas o que você quer? Quer me cobrar? Então você me cobra. Cobra aí".

Torcedor: "O futebol está fraco, irmão".

Willians: "Vai se preocupar com a sua casa, irmão. Está todo mundo trabalhando aqui".

Não houve registros de outros diálogos entre jogadores e torcedores do Corinthians durante o protesto deste sábado, mas uma faixa estendida no local continha os seguintes dizeres: "Salário de primeira e futebol de segunda", "Safados", "Diretoria omissa" e "Cadê o dinheiro da China?".

O protesto ocorreu no portão de entrada e saída dos jogadores, por isso não pôde ser visto pelos jornalistas, que têm acesso ao CT por outra portaria.

Quer receber notícias do Corinthians de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos