Semana decisiva do Palmeiras inicia com oração e Mina como dúvida

A semana do líder Palmeiras começou com uma cena simbólica. Já tradicional entre o elenco, uma roda com jogadores titulares, reservas e até lesionados foi formada no centro do gramado da Academia de Futebol, nesta terça-feira. A oração durou por cerca de 5 minutos e contou até com o atrasado Yerry Mina. O zagueiro colombiano, lesionado, fazia trabalhos na parte interna do CT e apareceu no campo as pressas para se juntar ao restante do elenco.

- Aquilo ali foi mais uma oração para abençoar nossa semana, nossa caminhada neste ano. O elenco é maravilhoso, foi um papo para ter os pés no chão. Trabalhar bastante essa semana, com humildade, para que dê tudo certo e nos tire essa ansiedade - disse o zagueiro Thiago Martins, em entrevista coletiva após a atividade.

No gramado para o treino, apenas os jogadores que não foram titulares na vitória diante do Botafogo, no último domingo. Os titulares ficaram na academia fazendo trabalho regenerativo. Os suplentes fizeram um tático em campo reduzido, sob as orientações de Alberto Valentim.

O colombiano Mina, com uma contratura muscular na coxa direita, deu sequência ao tratamento. Com presença incerta para a partida de domingo, contra a Chapecoense, no Allianz Parque, tem como prováveis substitutos Edu Draccena e Thiago Martins, escolhido por Cuca no último jogo.

Uma cena curiosa marcou a atividade desta terça-feira. O diretor de futebol, Alexandre Mattos, acompanhado do gerente, Cícero Souza, foi muito prestigiado pelos torcedores presentes na Academia de Futebol, que chegaram a entoar em coro: "É o melhor do Brasil".

O Verdão terá a semana livre para se preparar para enfrentar a Chapecoense, domingo, no Allianz Parque, pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. Um empate dá o título ao líder.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos