Rafael Carioca faz duras críticas a Marcelo Oliveira e elogia Aguirre

A saída de Marcelo Oliveira ainda repercute na Cidade do Galo. Reserva durante a gestão do treinador, Rafael Carioca fez duras críticas ao seu trabalho e ainda elogiou a performance da equipe sob a batuta de Diego Aguirre, seu antecessor.

Questionado sobre o desequilíbrio do time durante a gestão de Marcelo Oliveira, o volante fez uma comparação com a equipe no período em que o uruguaio estava no banco de reservas:

- Uma equipe que faz muitos gols, mas que sofre muitos gols, é uma equipe desequilibrada. Foi assim o ano inteiro, exceto quando tinha o (Diego) Aguirre, que tínhamos uma compactação melhor. O Marcelo era o treinador e tinha que ter corrigido isso - comentou.

Sob a batuta do treinador, o time mineiro disputou 42 partidas, marcou 68 gols e teve as suas redes balançadas em 58 oportunidades, Por outro lado, durante a gestão do técnico estrangeiro, foram 29 jogos, 50 gols pró e 28 contra.

Perguntado se a desorganização do time de Marcelo Oliveira foi preponderante para a sua queda de rendimento e a consequente condição de suplente, o volante não titubeou:

- Alguém pensou. Difícil falar essas coisas, mas quando se tem um time desorganizado, nada vai ser feito com naturalidade. Quando você tem um time organizado, você não se desgasta muito, você corta caminho. Quando se tem um time organizado todo mundo se sobressai. O Atlético-MG está no G-4 e todo mundo questiona jogadores. É estranho - avaliou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos