Sob chuva forte, Cristiano Ronaldo quebra jejum e dá vitória ao Real

A forte chuva que caiu em Madri neste sábado serviu para lavar a alma de Cristiano Ronaldo. E mais, tirou a zica que acompanhava o português. Após cinco jogos de jejum sem marcar no Santiago Bernabéu, ele fez os dois gols da vitória do Real sobre o Sporting Gijón por 2 a 1 e chegou a dez no Campeonato Espanhol, isolando-se no topo da artilharia. A equipe visitante ainda perdeu um pênalti na reta final da partida, o que seria uma ducha de água fria nos Merengues, que não jogaram bem.

O resultado faz o Real Madrid disparar no Campeonato Espanhol, agora com 33 pontos. O Barcelona, que encara a Real Sociedad neste domingo, tem 26. Já o Sporting Gijón segue em situação crítica, com apenas nove, na 18ª colocação.

Em meio aos desfalques de Kroos, Bale e Varane, Zidane também deu descanso a alguns titulares. Marcelo e Carvajal ficaram como opção no banco ao lado de Casemiro, que voltava de lesão após dois meses. Em campo, Danilo na direita, Nacho na esquerda e Pepe como zagueiro. James Rodríguez também começou desde o início.

Mal começou a partida, o Real Madrid abriu o placar. Lucas Vázquez foi derrubado dentro da área e Cristiano Ronaldo bateu bem, quebrando o jejum de cinco jogos consecutivos sem marcar no Santiago Bernabéu.

O gajo estava, de fato, incomodado com a marca negativa no estádio que é sua casa desde 2009. Aos 18 minutos, ele recebeu cruzamento preciso de Nacho e cabeceou, sem chances para o goleiro Mariño. O Real seguia soberano em campo, mas apostava demasiadamente no jogo aéreo.

O Real tinha o controle da bola. Mas em uma saída errada de Modric, o Sporting empatou. O croata vacilou e entregou nos pés de Moi Gómez. Na sequência, López cruzou na medida para Carmona dar um toquinho e vencer Navas.

O Gijón também vacilou na saída de bola. No entanto, desta vez a bobeada não se transformou em gol, após Lucas Vázquez chutar para fora. Cristiano Ronaldo teve outra chance, fuzilando da entrada da área para defesa de Mariño.

A chuva que já caía no primeiro voltou mais forte depois do intervalo. O gramado ficou pesado e o futebol ficou um pouco prejudicado. Mas não atrapalhou a cabeçada de Benzema, que obrigou o goleiro Mariño a excelente defesa.

Zidane aproveitou para fazer algumas mudanças. Apagado, James Rodríguez deixou o campo, dando o lugar a Asensio. Pendurado com quatro cartões, Sergio Ramos saiu para a entrada de Marcelo, passando Nacho para o miolo de zaga.

E no primeiro lance como zagueiro, Nacho falhou e cometeu pênalti em Víctor Rodríguez. Na cobrança, Cop jogou na arquibancada, perdendo a chance do empate. O Real estava perdido em campo. Mesmo com Isco em campo, não conseguia armar uma jogada perigosa. Por outro lado, o Sporting levava perigo ao gol de Navas.

A torcida no Santiago Bernabéu não deve ter gostado do futebol apresentado pelos Merengues, mas saiu satisfeita com mais uma vitória.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos