Mena sobre futuro no São Paulo: "Quero ficar e não vou perder a esperança"

  • Érico Leonan/saopaulofc.net

No último domingo, o São Paulo perdeu Eugenio Mena suspenso para a última rodada do Campeonato Brasileiro. Mas o terceiro cartão amarelo recebido na vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-MG pode trazer ainda mais prejuízos ao chileno do que a ausência contra o Santa Cruz no próximo domingo. O ala pode ter o desejo de ficar no clube em 2017 frustrado.

O contrato com o clube paulista é válido somente até 31 de dezembro deste ano. Depois disso, terá de voltar ao Cruzeiro, de onde foi dispensado no fim de 2015 por estar fora dos planos de Mano Menezes. O treinador se aventurou na China, voltou à Raposa e segue colocando Mena à disposição no mercado. O problema é que o São Paulo considera R$ 6 milhões um valor alto para pagar.

"Neste ano foi o último jogo, mas vamos ver o que acontece. Queria terminar o ano bem e agora preciso esperar o que será do meu futuro. Eu já falei que queria ficar, que gostei muito daqui e minha intenção não mudou. Vamos esperar. É só esperar. Estamos conversando para resolver. Eu quero ficar e não vou perder a esperança", avisou o camisa 21.

Foram 46 partidas do lateral-esquerdo da seleção chilena pelo clube do Morumbi. Mena é agenciado pelo empresário André Cury, que tem deixado a diretoria são-paulina incomodada por supostamente inflacionar as negociações.

Quer receber notícias do São Paulo de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos