Filho de Caio Jr diz que estaria no voo se não tivesse esquecido o passaporte

A tragédia na família Saroli poderia ser maior se não fosse por um esquecimento. Matheus Saroli, filho de Caio Junior, técnico da Chapecoense, relatou em seu Facebook que estaria no mesmo avião que caiu antes do pouso no aeroporto José Maria Córdoba, na madrugada desta terça-feira. O jovem só não se tornou um tripulante no trágico voo pois esqueceu o passaporte antes do embarque, em Guarulhos.

- Amigos, eu, meu irmão e minha mãe estamos bem. Precisamos de força. Peço que nos deem um pouco de privacidade, especialmente à minha mãe. Agradeço a todos ligando e mandando mensagens. Eu estava em São Paulo hoje e não embarquei pois tinha esquecido meu passaporte. Somos fortes vamos passar por isso. Obrigado a todos - escreveu Matheus.

Técnico da Chape desde junho, Caio Júnior está na lista dos 76 falecidos. Além dele, que é natural de Cascavel, no Paraná, todos os membros da comissão técnica do time catarinense estão na lista das vítimas, além da maioria dos jogadores e jornalistas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos