Por titularidade no Santos, Yuri quer nova chance em última rodada

Enquanto o Santos intensifica a busca por zagueiros, o jovem volante Yuri, de 22 anos, sonha em começar a Libertadores como titular. Enquanto isso, ele está de olho na última rodada, na qual o Peixe encara o América-MG, na Vila Belmiro, às 17h.

- Eu nem sei se vou acabar jogando esse último jogo. Temos uma semana de preparação. Acho que não (me coloco à frente ser titular agora). Infelizmente aconteceu isso com os titulares Luiz e Gustavo (lesões), que abriu oportunidade para mim. Mas tanto para esse jogo, como ano que vem, não tem nada garantido. É trabalhar e dar o meu melhor esperando a decisão do Dorival - disse Yuri.

Apesar de saber da importância de vencer o América-MG e torcer por um tropeço do Flamengo para recuperar a segunda colocação, o volante ressalta que o clima ainda é de tristeza e desânimo pro conta da tragédia envolvendo a delegação da Chapecoense.

- Todo mundo sabe disso. Nem precisa ser falado. Vamos buscar, lógico, o segundo lugar já que o primeiro não veio. É difícil ir a campo depois do que aconteceu. Difícil ter forças para jogar de novo. Vários da nossa equipe tinham amigos bem próximos na Chapecoense. Eu, particularmente, não tinha, mas todo mundo sentiu muito essa tragédia. Acho que até por respeito a eles temos que seguir a vida. Temos mais um jogo. Para mim deveria acabar, mas temos esse último compromisso brigando pela segunda colocação - finalizou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos