Nick Diaz é liberado para lutar, e Woodley sugere disputa no UFC 209

Tyron Woodley manteve o cinturão dos meio-médios do UFC contra Stephen Thompson, no UFC 205, em Nova York (EUA), mas não saiu do octógono como vencedor. Isso porque o confronto resultou em um empate. Mas, além da hipótese da revanche ou do duelo com outro atleta no topo da divisão, o americano vê outra opção para seu futuro: Nick Diaz.

Segundo o site MMA Fighting, Diaz chegou a um acordo com a Comissão Atlética do Estado de Nevada após cumprir 18 meses de suspensão pelo uso de maconha em sua última luta, e não ter pago da forma devida a multa de US$ 100 mil (cerca de R$338 mil). A liberação chamou a atenção de Woodley, que chegou a sugerir via Twitter um duelo com Diaz no UFC 209, que ainda não tem data e nem local para acontecer. A ideia parece usar o emblemático número 209 (código da área onde Diaz nasceu) para promover a disputa.

- O Nick Diaz está livre para lutar? É o momento perfeito para o UFC 209. Tenho a pessoa certa em mente - publicou, fazendo suspense.

Após empatar com Thompson e manter o cinturão dos meio-médios, Tyron Woodley ainda não tem data para voltar ao octógono mais famoso do mundo. A expectativa é que ele defenda seu título contra o próprio Stephen ou Demian Maia, atual número número três no ranking do Ultimate.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos