Zago: 'Feliz de fazer parte do desafio de colocar o Inter onde ele merece'

A confiança de manter o Internacional em alto nível para uma redenção em 2017 marcou a apresentação oficial de Antônio Carlos Zago. Em entrevista coletiva nesta terça-feira, no CT do clube, o novo técnico do Colorado afirmou que fará um planejamento minucioso na tentativa de levar a equipe de volta à elite:

- Espero honrar da melhor maneira possível toda confiança no meu trabalho. Foi um resultado ruim para o clube, e a gente espera, aos poucos, conhecer o clube para este novo desafio de colocar o Internacional no lugar em que ele merece.

O treinador, que tratou o episódio de racismo como mancha em sua carreira pela qual já pagou na Justiça Comum e admitiu seus erros, exigiu que o elenco que estiver no Beira-Rio tenha disposição:

- O jogador vai precisar ter vontade de sofrer na Série B. É uma competição muito difícil, mas precisamos lutar para voltar a dar alegria ao torcedor.

Porém, Zago não abre mão de jogadores de alto nível. Aos seus olhos, D'Alessandro deve continuar no elenco:

- É um dos três maiores ídolos da história do Internacional, espero contar com D'Alessandro. Teremos um ano atípico importante, tenho de contar jogadores e líderes.

O novo treinador do Internacional detalhou que ainda conversará com a diretoria sobre o planejamento para a temporada. Segundo ele, não houve tempo para conversas:

- Foi tudo muito corrido, a partir de hoje (terça-feira) vamos falar sobre o elenco. Tenho de conhecer o grupo primeiro para fazer uma análise, mas o importante é montar um elenco. Mas o importante é termos jogadores de alto nível, uma equipe de Série A.

Zago não descartou conduzir o Internacional a títulos:

- Espero ser heptacampeão pelo Internacional. Espero presentear o Marcelo Medeiro com títulos, teremos o Gauchão e a Copa do Brasil pela frente!

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos