Mundial: Real encara o América e prega respeito para evitar nova zebra

Na primeira semifinal, a zebra passeou no Yokohama Stadium. Já nesta quinta-feira, o Real Madrid entra em campo no mesmo palco para evitar o retorno do indesejado e metafórico animal. Com seus galácticos, os Merengues encaram o América-MEX, às 8h30 (de Brasília), pelo segundo jogo das semi do Mundial de Clubes.

O vencedor do confronto irá disputar a final com o surpreendente Kashima Antlers, que goleou o Atlético Nacional, por 3 a 0. A decisão será realizada no domingo, também no Yokohama Stadium.

Campeão da última Liga dos Campeões, o Real chega à competição amparado à incrível série invicta de 35 jogos, um recorde no clube. Mesmo com o excelente momento, o técnico Zinedine Zidane, que comanda o líder isolado do Campeonato Espanhol, prega respeito ao time mexicano, vencedor da Concacaf, e nega favoritismo.

- Nunca penso que temos uma chance maior de vencer do que nossos oponentes. Temos que jogar futebol e muitas pessoas esperam que o Real Madrid vença com facilidade, mas não é o que penso - disse o treinador.

Para o duelo desta quinta, dois brasileiros devem começar entre os titulares com a camisa branca. Tratam-se de Marcelo e Casemiro, que não terão a companhia e a estrela de Sergio Ramos, lesionado.

Também por problemas físicos, Pepe não atuará, assim como Bale - este último machucado há mais tempo. No meio, a dúvida fica por conta de Kroos, que pode ser poupado para uma eventual decisão.

CONCENTRAÇÃO E INTELIGÊNCIA

Concentração e inteligência. Estas são as palavras-chaves do técnico do América-MEX, Ricardo La Volpe, no vestiário dos mexicanos, que tentarão fazer história eliminando uma equipe europeia nesta fase, o que nunca aconteceu na história do torneio.

- É uma partida que todos nossos jogadores esperam. Eles estão concentrados, pois sabem que o mundo todo vai estar de olho - disse o La Volpe, que continuou:

- Devemos fazer uma partida inteligente, não é somente uma questão de entrega - concluiu, em entrevista coletiva.

Ciente das dificuldades, o América contará com força máxima para encarar os madrilenhos. Sambueza, ex-Flamengo, retorna de lesão e fica à disposição do comandante.

La Volpe, a propósito, aposta suas fichas principalmente em Romero, que balançou a redes duas vezes contra o Jeonbuk Hyundai, nas quartas.

FICHA TÉCNICA

Mundial de Clubes - Semifinais

REAL MADRID x AMÉRICA-MEX

Estádio: Yokohama Stadium, Yokohama (JAP)

Data-Hora: 15/12/16 - 8h30 (de Brasília)

Árbitro: Enrique Cáceres (PAR)

Assistentes: Eduardo Cardozo e Juan Zorrilla (PAR)

REAL MADRID: Navas; Carvajal, Varane, Nacho e Marcelo; Casemiro, Modric, Kroos (Isco); Vázquez, Cristiano Ronaldo e Benzema. Técnico: Zinedine Zidane.

AMÉRICA-MEX: Muñoz; Valdez, Goltz, Aguilar, Álvarez e Samudio; Ibarra, Sambueza (William da Silva) e Peralta; Romero e Quintero. Técnico: Ricardo La Volpe.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos