IAAF anuncia que reanalisará exames colhidos no Mundial de Sopot

A Federação Internacional de atletismo (IAAF) anunciou que reavaliará as amostras coletadas de esportistas russos participantes do Mundial Indoor de Atletismo, sediado em Sopot, na Polônia, em 2014.

Segundo o Relatório McLaren, documento formulado pelo professor canadense Richard McLaren, apontam que pelo menos oito atletas competiram sob o efeito de substâncias dopantes no mundial. A Rússia conquistou cinco medalhas, três de ouro e duas de prata.

As investigações denunciam três casos testosterona acima do nível normal, quatro testes contendo ostarina (suplemento acusador de aumento de massa muscular) e um caso que continha tanto ostarina como turinabol (que aumenta a força muscular). Os nomes dos atletas não foram divulgados, exitem suspeitas que estes sejam medalhistas olímpicos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos