Negociação trava, mas São Paulo mantém esperança por Colmán

As negociações do São Paulo com o Nacional (PAR) pelo centroavante Christian Colmán foram interrompidas. O clube paraguaio adiou a resposta pela proposta feita pelo Tricolor. No entanto, a diretoria do clube brasileiro ainda mantém esperança de contratar o jogador de 22 anos.

O São Paulo ofereceu 1 milhão de dólares (cerca de R$ 3,7 milhões) por 50% dos direitos econômicos de Colmán, a parte que pertence ao Nacional. Em um primeiro momento, o clube paraguaio gostou da oferta, mas depois pediu prazo maior para responder. A diretoria do Tricolor vê isso como uma estratégia de negociação e aguarda.

De acordo com o Nacional, há outros clubes interessados em Colmán. Esse foi o discurso desde o começo da negociação. O jogador é visto como o de maior potencial de venda do clube. O León, do México, surgiu como um dos pretendentes.

Colmán é um centroavante alto (1,86m) e fez dez gols em 31 partidas este ano. Foi encontrado pelo departamento de análise e desempenho do Tricolor e aprovado pelo técnico Rogério Ceni, que procura um jogador com essas características.

Até o momento, a diretoria do São Paulo já anunciou o goleiro Sidão e os atacantes Neilton e Wellington Nem. O clube ainda tem negociações avançadas pelo meia Cícero, do Fluminense, e busca ainda um volante alto e um outro meia armador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos