Jorge Wagner veste camisa e encaminha acerto com Flu de Feira de Santana

  • Divulgação

    Jorge Wagner no Fluminense de Feira de Santana

    Jorge Wagner no Fluminense de Feira de Santana

Aos 38 anos, o meia Jorge Wagner, que se destacou ao ser bicampeão com o São Paulo(2007 e 2008) , deve reforçar o Fluminense de Feira de Santana, tradicional time do interior da Bahia e que disputa a elite local. O clube é da cidade homônima ao time, Feira de Santana, e terra natal do meia, que pela primeira vez jogará na cidade.

O contrato ainda não foi assinado, até porque ainda se discute o tempo de vínculo de Jorge com o novo clube. Mas, no que depender de Zé Chico, diretor de futebol do Tricolor, o acordo será de um ano. Vale destacar que neste ano o time também disputará a Série D.

Na noite desta quarta (28), o jogador esteve na sede do clube para conversar com os dirigentes e chegou a posar para foto com a camisa do Flu de Feira de Santana.

O site oficial do clube informa que a reunião teve a presença do pai do atleta,
Antônio Jorge, do amigo José Luiz e por parte do Fluminense os dirigentes José Francisco Pinto, o Zé Chico, Junior Mesquita, Luiz Paolilo Filho, além do preparador-físico Geraldo Lantyer.

"Fomos bem claros em relação à situação do clube: mostramos as dificuldades e logicamente as perspectivas muito boas principalmente pelo que fizemos este ano dentro de campo. O Jorge Wagner ficou satisfeito com o que viu e ouviu, de forma que ficamos otimistas em relação à possibilidade de contar com ele em nosso grupo", afirmou Zé Chico no site oficial.

"A conversa tá bem encaminhada e o acerto próximo de acontecer. Faltam detalhes mesmo para que a gente possa anunciar essa contratação que vai causar impacto no futebol baiano por tudo que ele representa como atleta e acima de tudo como cidadão. Estamos trabalhando muito para dar este presente à nossa grande torcida", completou o dirigente.

Jorge Wagner começou a carreira em 1998, no Bahia. Suas boas apresentações lhe renderam um acerto com o Cruzeiro, onde ficou até 2002. Depois, foi vendido Lokomotiv Moscou, da Rússia. Em 2005, foi parar no Inter, sendo peça-chave na conquista da Libertadores de 2006.

Nos dois anos seguintes, foi campeão brasileiro com o São Paulo, sendo titular absoluto nos títulos. Em 2015, já no final de carreira, foi contratado pelo Vitória, mas teve passagem discreta. Também jogou no Japão, no Corinthians, no Betis, da Espanha, no Botafogo e no Corinthians.

Quer receber notícias do seu time de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

 

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos