Times chineses abrem o cofre e podem tirar meia do Barcelona

Depois de Carlitos Tevez, quem pode desembarcar no futebol chinês é o meia Arda Turan. De acordo com o jornal "Sport", o Guangzhou Evergrande e o Beijing Guoan estão dispostos a pagar uma fortuna para tirar o jogador do Barcelona. Seriam 40 milhões de euros (R$ 137 milhões) para o clube, além de 15 milhões de euros (R$ 51,6 milhões) de salário por temporada.

Segundo o periódico catalão, a ideia inicial do turco é permanecer no Barcelona, uma vez que conta com a confiança do técnico Luis Enrique e é comumente utilizado como titular, seja na vaga de Neymar ou na de Iniesta.

Apesar da vontade de permanecer, o salário oferecido no futebol chinês pode pesar, uma vez que ele recebe na Espanha três vezes menos.

O Guangzhou é o atual hexacampeão chinês e conta com os brasileiros Ricardo Goulart, Paulinho e Alan, além do atacante colombiano Jackson Martínez. O técnico é Luis Felipe Scolari. Por outro lado, o Beijing Guouan tem em seu elenco os ex-corintianos Renato Augusto e Ralf, mas terminou a última edição da Super Liga Chinesa na quinta colocação.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos