Chuva derruba parte da cobertura do Edson Passos; Flu aguarda avaliação

  • Divulgação/Fluminense

Fluminense e América têm um problema urgente para resolver logo no primeiro dia de 2017. No sábado, uma parte da cobertura do Estádio Giulite Coutinho foi derrubada pelo vento e chuva que atingiu o Rio de Janeiro.

A diretoria do América já trabalha para que o incidente não impeça a renovação do contrato com o Fluminense, que deseja mandar os jogos do Campeonato Carioca em Edson Passos. Marco Antônio Teixeira, diretor de futebol do clube, comentou a situação atual e diz contar com a ajuda do Tricolor.

"Com certeza, a intervenção que não estava prevista passa a ser tratada com urgência e pode vir a ser tratada nessa renegociação. Provavelmente. Mas qualquer informação mais detalhada só a partir de amanhã. Uma situação lamentável, grave. Agora é planejar para tudo se resolver em curto prazo - disse ao "NetFlu".

O Fluminense publicou uma nota em seu site oficial, e diz aguardar estudos técnicos antes de tomar qualquer decisão. Confira a íntegra abaixo:

"O Fluminense Football Club informa que neste sábado, dia 31, houve uma grande tempestade em Mesquita, com chuva de granizo. Com isso, a cobertura da arquibancada A do estádio Giulite Coutinho foi completamente danificada. Felizmente não houve nenhum ferido", informou.

"Cabe ressaltar que o America já está tomando as providências necessárias. O Fluminense está aguardando estudos técnicos e, desde já, trabalha para analisar alternativas que garantam conforto e segurança dos torcedores tricolores", completou.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos