Há um ano sem jogar e emprestado pelo Palmeiras, Patrick Vieira quer recomeçar no São Bernardo

Revelado pelo Palmeiras, Patrick Vieira vive um recomeço em sua carreira. Emprestado ao São Bernardo para disputar o Campeonato Paulista, o meia voltará a jogar depois de um ano e três meses longe dos gramados. Uma lesão complicada no joelho esquerdo o fez perder o fim da temporada de 2015 e todo o ano de 2016 no departamento médico.

- Eu me machuquei no Náutico, ano passado (2015). Fiz uma jogada, bateu a patela e teve uma fissura. Causou edema ósseo, fiquei o fim do ano para sair de férias, tratei, me apresentei no Palmeiras, mas ficava doendo. Tentaram recuperar sem cirurgia e depois de três meses operei. Viram que não dava para ficar sem operar. Parecia que não ia passar, eu voltava a treinar e me incomodava. Acabei que perdi o ano. Como não ia jogar, melhor ficar 100% e acabou que recuperei graças a Deus - contou o jogador de 24 anos, ao LANCE!.

Patrick se machucou no fim da Série B. Ele chegou a tentar voltar a jogar, mas o problema seguiu o incomodando e sua última partida foi no dia 12 de setembro de 2015, na derrota do Náutico para o América-MG por 2 a 1. Desde então, o atleta deu ênfase em sua recuperação na Academia de Futebol, mas o processo foi complicado, com recaídas. Até se aposentar foi uma possibilidade cogitada.

- Pensei (em parar), quando tinha semana que parecia bom e não estava. Ficava a dúvida, o medo, sabe, mas sempre treinando e esperando que era questão de tempo de ficar bom. Mas agradeço a minha noiva (Amanda), a Deus, e toda minha família, cara, que sempre estiveram do meu lado. E em especial ao Palmeiras em si, mas principalmente ao (José) Rosan (fisioterapeuta), o cara que me cuidou o tempo todo, os médicos, todo mundo - acrescentou.

Sem apressar a volta, Patrick cuidou da parte física no fim de 2016 e realizou um trabalho de reequilíbrio muscular. Quando sentiu-se pronto para jogar mais uma vez, passou a discutir com seu empresário e Cícero Souza, gerente de futebol, qual seria a melhor opção para começar 2017. O Bernô foi escolhido.

Depois de tanto tempo fora de sua rotina, o meia brinca que sente falta até de se concentrar. Com contrato até 2018 com o Palmeiras e revelado em um momento complicado do clube, quando houve o segundo rebaixamento em 2012, Patrick tem como sonho uma nova chance no Verdão. Mas sabe que seu principal foco agora precisa ser outro.

- O Cícero (Souza) me desejou boa sorte, para fazer um bom campeonato, e meu pensamento está todo voltando para jogar e fazer um bom campeonato. Só quero voltar a jogar bem, fazer gol, voltar a ter alegria de entrar em campo e depois é consequência. Meu foco é todo é em poder voltar a jogar, dar a volta por cima, depois vai ser reflexo do que eu passar. Como eu irei no campeonato, aí depois as coisas vão acontecer naturalmente - completou.

Pelo Verdão, Patrick Vieira fez 39 jogos e cinco gols marcados. No São Bernardo, ele jogará o Grupo A do Paulista, que também conta com: Corinthians, Ituano e Botafogo-SP.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos