Vasco assina convênio de 2,5 milhões destinado a esportes olímpicos e paralímpicos

O Vasco assinou um novo convênio com a CBC (Confederação Brasileira de Clubes) para custear o pagamento de profissionais que atuam nos esportes olímpicos e paraolímpicos do clube. O vínculo tem duração de quatro anos e o Cruz-Maltino receberá R$2.587.304,16.

Anualmente o Cruz-maltino receberá R$646.826,04. No convênio estão incluídos pagamentos a técnicos, preparadores físicos e fisioterapeutas que podem atuar no remo, basquete de base, atletismo e natação paralímpica.

A CBC, de acordo com portaria do Ministério dos Esportes, coordena a distribuição de recursos públicos para a formação de atletas olímpicos e paralímpicos nos clubes esportivos formadores. Os recursos não podem ser utilizados no futebol. Para cada convênio existe uma conta específica que só pode ser movimentada para o pagamento do objeto aprovado na proposta pela Confederação.

No primeiro convênio entre Vasco e CBC foram repassados R$2.898.670,71 para compra de equipamentos. Com os recursos, o Vasco importou da Alemanha uma flotilha de 11 barcos, adquiriu equipamentos de fisioterapia e está instalando os novos sistemas de filtragem e aquecimento da piscina olímpica de São Januário. Para ter direito aos recursos, o clube teve que apresentar todas as certidões que comprovam a regularidade fiscal do clube.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos