Empresário de Marinho e Vitória não chegam a acordo; nova reunião nesta quinta-feira

Não foi dessa vez. A diretoria do Vitória e o empresário de Marinho, Jorge Machado, estiveram reunidos por algumas horas na tarde desta quarta-feira, em Salvador, na Bahia. No entanto, não houve acordo. O agente apresentou a proposta oficial do Flamengo para contratar o atacante, mas a quantia oferecida não agradou ao Rubro-Negro Baiano, que só aceita negociar o atleta pelo valor da multa rescisória, de cinco milhões de Euros, cerca de R$ 17 milhões.

O diretor de futebol do Vitória, Sinval Vieira, explicou que haverá uma nova reunião nesta quinta, pela manhã.

- Ainda não chegamos a nenhum acordo. Amanhã (quinta) vamos nos reunir novamente, às 10h. O Flamengo propôs um valor inferior ao valor da multa, e isso nós não vamos aceitar. Não podemos errar nesse caso - disse o dirigente ao jornal Correio, da Bahia.

O atacante de 26 anos já disse que tem o interesse em defender o Flamengo neste ano, mas a situação não depende dele. Caso não consiga contratar Marinho, o Rubro-Negro vai partir para buscar outras opções. O atacante paraguaio Cecilio Domínguez, do Cerro Porteño, e o meia-atacante Marcos Guilherme, do Atlético-PR, são outras alternativas. O Fla garante que vai contratar pelo menos um atacante, mas não descarta trazer dois, dependendo das oportunidades de mercado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos