Agüero atinge marca, City goleia e avança na Copa da Inglaterra

O Manchester City deu um banho de bola nesta sexta-feira e eliminou o West Ham na terceira fase da Copa da Inglaterra. Após um início de jogo equilibrado, o time de Pep Guardiola deslanchou, fez 5 a 0 fora de casa e se classificou para a fase seguinte da competição. Yaya Touré, Nordtveit (contra), David Silva, Agüero e Stones marcaram.

Com o gol, Agüero chegou a 154 com a camisa do Manchester City, tornando-se o terceiro maior artilheiro da história do clube.

Guardiola entrou em campo com seu time praticamente titular. Caballero entrou desde o início no gol. Zabaleta atuou como volante, no lugar do suspenso Fernandinho. Já o West Ham deixou Noble e Payet como opções no banco.

Nos minutos iniciais, o jogo ficou bem disputado. A bola demorava a sair do setor de meio de campo e os atacantes eram pouco acionados. A primeira chance saiu apenas aos 12, quando David Silva finalizou bem, para boa defesa de Adrián. Os Hammers responderam no lance seguinte, após Antonio testar Caballero.

A partida seguia movimentada, com bons lances para ambos os lados. O City era um pouco mais incisivo e quase abriu o placar com Sterling, mas Nordtveit salvou na hora do chute. Na cobrança de escanteio, Adrián pegou voleio de Agüero. E não demorou muito para os visitantes abrirem o placar. Zabaleta se aventurou no ataque e sofreu polêmico pênalti. Sem nada a ver com isso, Yaya Touré bateu bem e marcou.

O West Ham teve uma grande chance que poderia ter mudado a cara da partida. Logo após o gol do City, Antonio puxou contra-ataque e fez Caballero trabalhar. No rebote, Feghouli mandou para fora. O lance pareceu ter desestabilizado o time londrino, que ficou muito exposto na defesa. Em boa jogada pela direita, Sagna foi a linha de fundo e cruzou. Antes de Sterling empurrar para o gol, Nordtveit fez contra.

E tinha mais ainda no primeiro tempo. Após tabela com Agüero, Sterling avançou pela direita e deixou David Silva sozinho para fazer o terceiro.

O West Ham voltou para o segundo tempo com a mesma desorganização que terminou o primeiro. E o quarto gol dos Citizens não demorou a sair. Agora pelo lado esquerdo, Sterling fez boa jogada e rolou para Touré soltar a bomba. No caminho, Agüero tocou com categoria para se tornar o terceiro maior goleador da história do City, com 154 gols.

O quarto gol desanimou o West Ham, que não teve forças para tentar a reação. Os torcedores já eram vistos saindo do estádio antes mesmo dos 15 do segundo tempo. O City, com a fatura liquidada, também passou a tocar a bola e deixar o tempo passar. E Guardiola deu chance para jogadores que não vêm tendo tantas oportunidades, como o jovem Aleix García e o volante Fabian Delph, que voltou após sofrer lesão em agosto.

Mortinho em campo, o West Ham ainda levou o quinto gol do City, após cabeçada do zagueiro Stones.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos