Garbrandt diz que não nocauteou Cruz por diversão no UFC 207

Depois de surpreender o mundo e conquistar de forma dominante o cinturão dos galos do UFC, Cody Garbrandt esbanja orgulho. Com a vitória na decisão unânime dos juízes contra Dominick Cruz e o cinturão da divisão, o americano garante que não finalizou o combate contra o rival por uma razão: diversão.

Em entrevista ao site TMZ Sports, Garbrandt declarou que foi uma opção não buscar o nocaute ou a finalização contra o adversário.

- Há uma possibilidade de revanche no futuro e vou continuar com minha previsão da primeira luta: o nocautearei no segundo round. Eu poderia ter nocauteado nessa luta, mas estava me divertindo muito. Preciso agradecer a Dominick Cruz pela luta que ele me proporcionou. Ele falou muito, mas depois acalmou seu orgulho, seu ego, e no final me deu os créditos - afirmou.

Cody Garbrandt é o novo campeão dos galos do UFC. O americano soma um cartel perfeito de 11 vitórias em 11 lutas na carreira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos