Nacional volta atrás por Colmán e se abre para nova oferta do São Paulo

Depois de fazer jogo duro e chegar a dar as tratativas como encerradas, o Nacional (PAR) cedeu na negociação com o São Paulo pelo atacante Christian Colmán, de 22 anos. Neste sábado, a diretoria do clube paraguaio procurou a diretoria do Tricolor. Os paraguaios pediram uma melhora na oferta antes apresentada. O São Paulo fez uma alteração e agora espera uma resposta positiva para acertar com o jogador.

O preço de 1,1 milhão de dólares (cerca de R$ 3,54 milhões) por 50% dos direitos econômicos do atleta foi mantido. O pedido do Nacional foi para o São Paulo aumentar o valor que seria pago à vista. O Tricolor estava disposto a desembolsar 500 mil dólares (cerca de R$ 1,61 milhão) no ato e agora propôs 700 mil dólares (cerca de R$ 2,25 milhões). Pela oferta, o clube brasileiro pagaria o restante em duas parcelas semestrais de 200 mil dólares (cerca de R$ 644 mil). A informação da alteração da oferta foi publicada inicialmente pelo site "Globoesporte".

Agora, o São Paulo aguarda um parecer do Nacional, que bateu o pé no início para receber tudo à vista e agora voltou atrás. A expectativa é por um desfecho positivo depois do recuo dos paraguaios. Com o jogador, a diretoria são-paulina já tem um acordo alinhado. A tendência é que, caso acerte, ele assine um contrato de quatro temporadas com salário inferior ao teto do clube. Colmán já declarou que deseja jogar no Tricolor.

O atacante de 22 anos foi um pedido do técnico Rogério Ceni, que gostaria de contar com ele já na pré-temporada nos Estados Unidos. Ceni deseja um camisa 9 alto (Colmán tem 1,86m), com característica de força e de jogar próximo à área. Depois de muita pesquisa com os analistas de desempenho do clube, chegou-se ao nome do paraguaio, que marcou 11 gols na temporada passada em 31 jogos.

Ainda não é possível dizer se um acerto com Colmán inviabilizaria a chegada do argentino Calleri, que também conversa com a diretoria e, insatisfeito na Inglaterra, cogita um retorno agora. No momento, o São Paulo tem Gilberto de centroavante no elenco, mais Chavez, cuja principal característica é para jogar pelos lados, na visão de Ceni, mas também exerce a função de 9. Até o momento, o Tricolor contratou o goleiro Sidão, o volante Cícero e os atacantes Neilton e Wellington Nem.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos