Carli Lloyd supera Marta e é eleita melhor jogadora do mundo pela Fifa

Não deu para Marta. A americana Carli Lloyd, do Houston Dash, e camisa 10 da seleção dos Estados Unidos, venceu o prêmio de melhor jogadora do mundo pela Fifa pelo segundo ano consecutivo. Ela superou a brasileira e a alemã Melanie Behringer.

Behringer, do Bayern de Munique, era a favorita. Ela foi a artilheira e uma das responsáveis por guiar a Alemanha na conquista do inédito ouro olímpico no Rio de Janeiro.

- Honestamente, eu não esperava isso - disse a jogadora ao receber o prêmio.

Após ficar de fora no ano passado, Marta, a melhor jogadora do futebol brasileiro de todos os tempos, voltou a disputar o prêmio. Essa foi a 12ª vez que a brasileira foi indicada e apesar de não vencer, ela segue como a maior vencedora do prêmio com cinco conquistas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos