Pupilo de Ceni, volante cita elogios, mas rejeita rótulo de intelectual

O volante Araruna, de 20 anos, é uma das apostas do técnico Rogério Ceni no São Paulo. Nesta quinta-feira, ele participou do jogo-treino contra o FC Sarasota, nos Estados Unidos, e recebeu elogios do comandante. O duelo terminou com vitória tricolor por 9 a 1, contra a equipe amadora de Bradenton, onde os brasileiros se preparam. Mas Araruna, apesar dos elogios, pregou cautela.

- Ele (Rogério) falou que eu fui bem, mas deu dicas para melhorar. Sempre tem jogadas que posso fazer mais para a frente, para clarear mais as jogadas, dicas de quem já esteve do outro lado - afirmou Araruna, em entrevista ao SporTV.

Araruna foge do perfil comum de jogador de futebol. Ele passou em primeiro lugar no vestibular da FAAP ((Fundação Armando Alvares Penteado) para o curso de administração e está se formando. No entanto, ele quer ser lembrado apenas pelo seu potencial no campo.

- Eu sempre gostei de jogar futebol, sempre fui são-paulino, fiz minha trajetória inteira pelo São Paulo. Sempre almejei muito ser jogador de futebol. O estudo, sempre gostei desta parte, acabei me apegando, terminando o colegio fiz faculdade. Mas isso é à parte do campo para mim, porque dentro do campo todo mundo é igual, todo mundo está brigando pela mesma vaga. Estudar me faz bem e faço isso além do futebol - declarou o garoto.

O volante foi um dos cinco atletas promovidos por Ceni e levado aos treinamentos nos Estados Unidos. Além dele, o goleiro Thiago, o lateral-direito Foguete, o lateral-esquerdo Júnior e o meia Shaylon estão com o grupo em Bradenton.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos