Há quase 35 anos na presidência, dirigente do Porto quebra recorde

Presidente do Porto desde 1982, Pinto da Costa quebrou um recorde nesta sexta-feira. O português deixou Santiago Bernabéu, e agora é o dirigente que mais tempo permaneceu no mais alto cargo de um clube de futebol no mundo. São 34 anos, oito meses e 19 dias, deixando o antigo mandatário do Real Madrid, que hoje dá nome ao estádio merengue, para trás.

Ao longo desses quase 35 anos, Pinto da Costa praticamente transformou o Porto. O clube era o principal da região norte de Portugal, mas não conseguia nem de longe competir com o Benfica, quase uma força absoluta na Terrinha até então.

De lá para cá, o Porto conquistou 58 títulos apenas no futebol. Também é o presidente de um clube com mais troféus no mundo. Entre eles estão 20 Campeonatos Portugueses (de um total de 27 do Dragão), 12 Taças de Portugal, além de sete troféus internacionais, incluindo duas Ligas dos Campeões e dois Mundiais de Clubes.

Ao todo, Pinto da Costa soma 12.684 dias no alto comando do Porto. Já foram 12 reeleições. Antes dos mais de 34 anos, ainda esteve ligado por outros 20 diretamente na diretoria do Dragão, atuando em outras funções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos