Prass é titular em primeiro teste do Palmeiras e sai na frente de Jailson

  • Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Ao se apresentar no Palmeiras, Eduardo Baptista disse que estudaria quem começa 2017 como titular no gol. Depois de quase duas semanas de trabalho, o técnico deu o primeiro indício, no jogo-treino contra o União Barbarense, quarta, de que escolherá Fernando Prass. O camisa 1 começou a atividade com o time principal, e Jailson participou da segunda parte. A expectativa é de que o ídolo comece o amistoso de sábado, contra a Chapecoense.

Durante a goleada por 4 a 0, a defesa mais difícil foi de Prass, mas após um erro do próprio camisa 1 na saída de bola. Ele se redimiu na sequência ao abafar um chute cruzado, que mesmo após a defesa ainda pegou no travessão. Depois disso, o Verdão foi pouco incomodado, tanto com Jailson na meta, quanto com Vinicius Silvestre, na terceira e última etapa da atividade.

No treino de terça, Prass já tinha chamado a atenção nos pênaltis. Além de seguir praticando cobranças, o goleiro interrompeu a boa série de Alecsandro, que vinha sem erros no dia. Como costuma fazer nos jogos, o camisa 1 apontou para o canto, indicando onde o atacante deveria bater, voou no lado direito e fez uma bela defesa.

Para colaborar com a decisão, algumas das atividades técnicas dos goleiros estão sendo monitoradas pelo CIP (Centro de Inteligência do Palmeiras), a pedido da comissão técnica neste início de temporada.

Fernando Prass é o titular do Palmeiras desde 2013, mas perdeu quatro meses do Brasileiro após fraturar o cotovelo direito na Seleção, antes dos Jogos Olímpicos. Aos 38 anos, ele se recuperou antes do prazo previsto e jogou os minutos finais da partida contra a Chapecoense, que garantiu ao Verdão o título brasileiro. Em 2017, o ídolo já disse estar "200% pronto" e treina sem restrições. A única prevenção é o uso de uma cotoveleira, que ele também utilizou na primeira vez que se recuperou de uma fratura no local, em 2014.

Jailson ganhou a torcida durante a campanha do título brasileiro, pois atuou por um turno inteiro e não perdeu. Eleito o melhor goleiro do campeonato, o carismático jogador de 35 anos renovou por mais duas temporadas com o Verdão. Quando anunciou a permanência, no início de dezembro, o arqueiro já mostrava entender se voltasse à reserva (veja abaixo).

Além dos dois, o Palmeiras tem no elenco os jovens goleiros Vinicius Silvestre, que fez uma partida no Brasileiro, e Daniel Fuzato, titular na Copinha. Vagner, contratado em 2016, perdeu espaço e acabou emprestado ao Mirassol para disputar o Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos