Ruschel volta à Arena Condá e fala sobre a recontrução da equipe

Após Neto, foi a vez de Alan Ruschel retornar à Arena Condá após a tragédia na Colômbia. Na véspera do amistoso da Chapecoense com o Palmeiras, o lateral deu entrevista coletiva. Ruschel demonstrou toda a felicidade por estar de volta e ressaltou a importância da partida contra o atual campeão nacional:

- Feliz, com a mente melhor, fisicamente também melhor. Feliz por retornar a Chapecó, começar a fisioterapia. A cidade estava precisando desse jogo, o clube. Só tenho que agradecer a Deus por poder participar de alguma forma desse jogo. Vale muito para Chapecó, para a cidade, para os familiares.

Ainda sobre o retorno, o atleta falou sobre o encontro que teve com o goleiro Jackson Follmann no hospital. Follmann será liberado na próxima semana:

- Feliz por saber que vou poder voltar a jogar, feliz pelo Neto, almocei com o Follmann, estive com ele. É a felicidade que ele me passa por estar vivo, eu também estou muito feliz por estar vivo. Vou voltando a fazer as coisas devagarinho. Não tenho pressa para nada, vou no tempo de Deus. Meu ano começa agora.

Alan falou também sobre a vontade de jogar a Recopa Sul-Americana contra o Atlético Nacional, a quem o jogador agradeceu por tudo que fizeram após o trágico acidente na Colômbia:

- Quero estar concentrado para jogar. Como falei com o Neto, o clube precisa da gente, a gente precisa do clube. O que o povo colombiano fez com a gente, toda solidariedade é um aprendizado para todos. O que a Conmebol e o Atlético Nacional fizeram vai além de qualquer sentimento. Fico feliz pela atitude. Minha emoção de estar aqui, vivo, dando uma coletiva, participando de um jogo, não tem explicação. Vou fazer de tudo para honrar os que se foram - finalizou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos