Rio Ferdinand critica Payet e diz que o deixaria 'apodrecendo'

Rio Ferdinand foi mais um a criticar a situação que Dimitri Payet se colocou no West Ham. Tentando forçar sua saída do clube, o francês afirmou que não jogaria mais pelos ingleses e está afastado do time principal desde então.

- Para mim não é uma situação complicada. Payet deve ao clube e aos seus torcedores, especialmente vendo de onde ele veio e o que o fizeram por ele. O West Ham lhe deu a estabilidade para jogar na Europa, um novo contrato e fez dele conhecido no futebol europeu - comentou Ferdinand, que ainda completou:

- Tive problemas em vários clubes por onde passei, mas nunca me passaria pela cabeça me recusar a jogar. Ele devia respeitar mais o West Ham - disse o ex-jogador do Manchester United.

Rio Ferdinand começou a sua carreira no West Ham e afirmou que entende a raiva dos fãs dos Hammers com a situação do atleta. O Olympique de Marseille ainda tenta a repatriação de Payet.

- Se eu fosse o diretor do West Ham deixava Payet sentado, apodrecendo, até o clube conseguir o dinheiro que quer com a sua transferência. O clube é sempre maior do que qualquer jogador e se ele falta com respeito, é preciso lidar corretamente com isso - afirmou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos