São Paulo divide salários e deve repassar Carlinhos ao Internacional

O São Paulo está próximo de se desfazer do lateral-esquerdo Carlinhos, de 30 anos. O clube acertou com o Internacional uma composição financeira e o jogador depende de exames médicos para ser anunciado como reforço do Colorado. Pelo acordo, os clubes dividirão o salário do jogador, que será repassado ao Inter com contrato de um ano, tempo de vínculo que ainda tinha no Morumbi.

Desde o ano passado que a diretoria do São Paulo tenta negociar Carlinhos, mas com dificuldade. Fora dos planos do técnico Rogério Ceni, ele não seguiu para a pré-temporada nos Estados Unidos e passou a treinar à parte no CT da Barra Funda. Nesta semana, a diretoria se acertou com o Inter. A informação foi publicada inicialmente pelo site "Globoesporte".

De acordo com o São Paulo, o Flamengo também procurou Carlinhos, mas o acordo com o Internacional já estava alinhado. O jogador poderá estender seu contrato por dois anos ao término do vínculo com o Inter.

Ao acertar a saída de Carlinhos, o São Paulo acredita ter resolvido um problema, já que o atleta não fazia parte dos planos e tinha salário considerado alto. Ele chegou ao clube em 2015, mas nunca caiu nas graças da torcida. Disputou 62 jogos, marcou dois gols e, com desempenho considerado abaixo do esperado, passou a ser perseguido. Carlinhos foi um dos agredidos por torcedores organizados na invasão ao CT da Barra Funda no fim do ano passado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos