Vôlei de Praia: Paraibanos e nova dupla são destaques no primeiro dia do torneio masculino

A torcida local fez barulho e empurrou os atletas da casa nesta sexta-feira (27.01), primeiro dia da etapa de João Pessoa (PB) do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia. Dos cinco representantes 'da casa' no torneio masculino, quatro terminaram o dia invictos e com vaga antecipada às quartas de final. Os jogos seguem neste sábado (28.01), com repescagem, quartas e semifinais, tudo com entrada franca na Praia de Cabo Branco.

Os duelos da quadra central contam com transmissão na página oficial da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) no Facebook. No domingo, a transmissão ao vivo das disputas por medalha fica por conta do canal campeão, o SporTV.

Quatro duplas venceram dois jogos seguidos na fase de grupos e foram direto às quartas, sem terem que disputar a repescagem. São eles Álvaro Filho/Saymon (PB/MS), Jô/Vitor Felipe (PB), Pedro Solberg/Guto (RJ) e Thiago/George (SC/PB). Após a segunda vitória do dia, Vitor Felipe, que foi campeão jogando em casa em 2015, elogiou o apoio da torcida.

"A responsabilidade até aumenta um pouco, pois gosto muito de jogar em casa e quero sempre conquistar um resultado bom, mas adoro demais a torcida. Sempre digo que é o lugar mais gostoso para jogar, é uma etapa marcante, e não digo isso porque sou daqui. A ajuda que eles dão aos atletas paraibanos é incrível, mas sempre de maneira educada, respeitando todos e admirando um bom voleibol", destacou o medalhista pan-americano.

Quem também comemorou foi Guto, que estrou bem a parceria com Pedro Solberg. A equipe venceu os dois jogos, o último deles de virada, e o carioca falou sobre o novo projeto.

"Faz muito tempo que eu não me sinto tão feliz assim com uma parceria. O Pedro é um cara de alto astral, para cima, e acho que essa química tem tudo para dar certo. Eu também sou assim, não deixo de acreditar nunca na vitória. Somos uma dupla nova, poderia ser diferente. Mas deu tudo certo hoje. Tivemos um jogo bem difícil agora contra o Oscar e o Hevaldo que estão bem, com ritmo. Estamos muito focados em melhorar daqui para frente", analisou.

Outros oito times lutam pelas últimas quatro vagas às quartas de final do torneio masculino, com a repescagem que ocorre neste sábado. Os duelos eliminatórios serão entre Alison/Bruno Schmidt (ES/DF) contra Benjamin/Moisés (MS/BA); Oscar/Hevaldo (RJ/CE) enfrentando Léo Vieira/Averaldo (DF/TO); Léo Gomes/Ferramenta (RJ) encarando Arthur Lanci/Eduardo Davi (PR); e Evandro/André Stein (RJ/ES) contra Felipe Cavazin/Pedro Henrique (PR/PB).

Outras quatro duplas já estão eliminadas da competição, após terem perdido duas partidas seguidas na fase de grupos: Bruno/Luciano (AM/ES), Borlini/Vinícius (ES), Márcio Araújo/Luizão (CE/AM) e Luccas Lima/Guto (SP).

Cada dupla campeã de uma etapa do Open soma 400 pontos no ranking da temporada, além de levar para casa um prêmio de R$ 45 mil. Todas as equipes são premiadas, e somando os dois naipes, o torneio distribui mais de R$ 420 mil aos atletas.

O Circuito Brasileiro 2016/2017 é composto por nove etapas, cinco delas realizadas em 2016, enquanto em 2017 as paradas serão em João Pessoa (PB), Maceió (AL), Aracaju (SE) e Vitória (ES). O torneio tem atualmente a liderança de Álvaro/Saymon, com 1.880 pontos, e Larissa/Talita, que somam 1.480 pontos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos