Com bicicleta de Hernández, Santos passeia sobre o Kenitra no Pacaembu

Foi o primeiro teste do ano para Dorival Júnior colocar em prático tudo aquilo que havia desenhado nas pranchetas durante a pré-temporada. Na tarde deste sábado, no amistoso com o modesto Kenitra, do Marrocos, o treinador viu o Santos dominar o adversário e golear por 5 a 1, no estádio do Pacaembu, com direito a um golaço do estreante Vladimir Hernández.

O dia foi de bastante festividade para os torcedores santistas. Antes de a partida começar, a diretoria promoveu um evento fechado, no salão nobre do estádio, e apresentou seus novos uniformes para a temporada. O músico sertanejo Chitãozinho também apareceu no gramado, durante o intervalo, e agitou os torcedores na arquibancada com a exibição de um bandeirão de 105x68 metros.

O anticlimax da noite ficou por conta da aparição do prefeito da cidade de São Paulo, João Doria. Santista declarado, o político foi recebido entre vaias e aplausos entre os presentes.

Dentro de campo, com apenas três dos seis reforços à disposição, Dorival pôde esboçar a escalação que considera ideal para o time e ver Lucas Lima e Vitor Bueno bastante inspirados.

Mesmo diante das ausências de David Braz, Luis Felipe e Ricardo Oliveira, todos machucados, o Peixe não teve dificuldades para pressionar o último colocado do Campeonato Marroquino. Com bastante trocas de passes e paciência, o Alvinegro Praiano cozinhou o rival e, naturalmente, foi construindo o placar no Municipal.

Aos 30 minutos, o colombiano Copete fez ótima jogada pela linha de fundo, pela esquerda, e cruzou para dentro da área. Rodrigão subiu entre os zagueiros do Kenitra e, de cabeça, inaugurou o marcador: 1 a 0.

Quatro minutos mais tarde, Victor Ferraz encontrou Lucas Lima na área. O camisa 10 finalizou fraco, e Vitor Bueno aproveitou a sobra para empurrar para o fundo das redes e ampliar a vantagem.

Sem limite de substituições, Dorival Júnior abusou delas na segunda etapa e promoveu as estreias de Hernández, Kayke e Matheus Ribeiro. Antes das mudanças, Vitor Bueno já havia marcado o terceiro gol do time - o segundo dele no jogo.

Com o Santos em um ritmo mais lento, e com a defesa improvisada com Noguera e Léo Cittadini, o Kenitra marcou o gol de honra. Aos 24 minutos, o atacante Hamza Ghatas aproveitou o cruzamento e marcou.

O gol sofrido, no entanto, não diminiu a superioridade do Peixe em campo. Aos 30 minutos, o colombiano Vladimir Hernández recebeu livre na pequena área e arriscou uma bicicleta. O estreante marcou uma verdadeira pintura no Pacaembu.

Por fim, Thiago Ribeiro ainda teve tempo de deixar a marca dele e fechar o caixão marroquino: 5 a 1 para o Peixe.

FICHA TÉCNICA:

SANTOS 5X1 KENITRA (MAR)

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)

Data/Hora: 28 de janeiro de 2017, às 18h30

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)

Assistentes: Miguel Ziolli e Daniel Ribeiro da Costa (ambos de SP)

Cartões amarelos: Yuri (SAN); Chihani e Dahhmani (KEN)

GOLS: Rodrigão, 31'/1ºT (1-0); Vitor Bueno, 34'/1ºT (2-0) e 16'/2ºT (3-0); Hamza, 24'/2ºT (3-1); Hernández, 30'/2ºT (4-1); Thiago Ribeiro, 37'/2ºT (5-1)

SANTOS: Vanderlei (João Paulo, 21'/2ºT), Victor Ferraz (Matheus Ribeiro, 17'/2ºT), Lucas Veríssimo (Léo Cittadini, 17'/2ºT), Yuri (Rafael Longuine, 17'/2ºT) e Zeca (Noguera, 17'/2ºT); Renato (Caju, 17'/2ºT), Thiago Maia (Thiago Ribeiro, 21'/2ºT) e Lucas Lima (Jean Mota, 21'/2ºT) (Thaciano, 38'/2ºT); Vitor Bueno (Arthur Gomes, 21'/2ºT), Copete (Vladimir Hernández, 21'/2ºT) e Rodrigão (Kayke, 21'/2ºT). Técnico: Dorival Júnior.

KENITRA: Ali Grouni, Chibi Mohammed, Kacher Mehdi e Chihani; Mesyaf

Mehdi, Armani (Khalid), Dahhmani, Bilal e Sefsaf; Lekhal (Abderragak) e Daaraoui (Hamza). Técnico: Youssef El Mrini.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos