Jair garante evolução física e faz coro: 'Quarta-feira é guerra, sim!'

O técnico Jair Ventura justificou o novo tropeço do Botafogo na temporada pelo aspecto físico. Ele optou por escalar um time na última quarta-feira e outro, quase totalmente diferente, neste sábado, e entende que foi a melhor opção para avaliar todos os atletas antes da partida pela Taça Libertadores. Depois do empate com o Nova Iguaçu, a torcida cantou que o próximo jogo, para compensar, será uma guerra. O treinador concorda.

- A torcida tem todo direito de ficar chateada, nós entramos para ganhar, temos sempre que entrar para vencer. Mas temos uma programação a cumprir. Quarta-feira é guerra, sim! E vamos cada vez melhor neste aspecto físico - avalia o treinador.

Jair entende que o filme se repetiu nas duas primeiras rodadas do Campeonato Carioca: após um bom início, o Glorioso não conseguiu equilibrar o ritmo de jogo do rival. O tempo de preparação foi curto, mas ele acredita que no jogo contra o Colo-Colo (CHI) a equipe já estará melhor.

- Esperamos chegar no nosso ideal. Requer tempo, mas não temos tempo e sabemos disso. Estaremos melhor. A cada dia, os jogadores relatam melhora na parte física. Chegaremos melhor do que na outra quarta - garante.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos