Manoel deixa assédio turco de lado e foca estreia do Cruzeiro no Mineiro

Manoel recebeu proposta do Besiktas (TUR) nesta janela de transferências. O estafe do atleta chegou a se reunir com a diretoria do Cruzeiro em algumas oportunidades a fim de tentar a liberação para a sua ida ao futebol europeu. Contudo, não obteve sucesso nas tratativas. Às vésperas da estreia de sua equipe pelo Campeonato Mineiro, o defensor garante que o assédio já se tornou "passado".

Questionado sobre a oferta feita pelos turcos, o zagueiro da Raposa assegurou que não se importa com a recusa do clube que detém parte de seus direitos econômicos.

- Eu estou tranquilo, sou jogador do Cruzeiro. São coisas que aconteceram no passado, mas eu penso apenas no Cruzeiro. Deixei meu empresário definir tudo com o Tinga e o presidente. Vou continuar fazendo o meu melhor trabalho aqui - comentou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos