Tênis: Final improvável é destaque na imprensa internacional

O histórico duelo ente Rafael Nadal e Roger Federer na final do Australian Open fez os amantes do tênis não piscarem durantes as quase quatro horas da partida que garantiu ao suíço seu 18º título de Grand Slam, quinto do torneio.

Recheados de desconfianças após interromperem a última temporada devido a lesões, os dois veteranos mostraram porque ainda são gigantes do tênis e tomaram conta das páginas dos principais veículos ao redor do mundo.

Confira a repercussão do clássico Fedal na final do Australian Open

'Parecia uma sorte magnífica, tudo isso. Roger Federer e Rafael Nadal, antigos rivais, de volta à final de Grand Slam, um confronto que ninguém, nem mesmo eles imaginariam (...). Eles sofreram lesões e paradas programadas pelo médico e o constante rastejamento da incerteza que vem com o envelhecimento. Havia um monte de coisas que você poderia dizer sobre as carreiras de Federer e Nadal, mas entrando 2017 você poderia ter facilmente dito isto: Havia dúvida'

' Foi a mais improvável conquista de Roger Federer em um torneio de Grand Slam'

' Roger Federer rebobinou a carreira em quase dez anos para derrotar seu rival Rafael Nadal em uma sensacional final de Australian Open para conquistar seu 18º título de Grand Slam aos 35 anos'

' Em outra homenagem ao tênis que se prolongou durante 3h48m, Federer aumentou sua lenda'

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos